10 sintomas da menstruação: tudo o que precisa de saber

O principal sinal de que está com a menstruação é a hemorragia menstrual, mas sabia que pode ter outros sinais e sintomas que acompanham a sua menstruação? Alguns sintomas ocorrem antes do início da menstruação e atuam mais como um sinal de que esta está prestes a acontecer, enquanto que outros sintomas ocorrem assim que se inicia a hemorragia menstrual. Continue a ler para saber tudo sobre 10 dos sintomas mais comuns da menstruação, o que causa cada um e que fatores de risco podem torná-la mais suscetível a determinados sintomas. 

Casal a planear uma gravidez

1. Dores menstruais ou cólicas menstruais

As dores menstruais são um dos sintomas menstruais mais comuns. A maior parte das mulheres, em algum momento da sua vida, irá sentir algumas cólicas durante a menstruação ou quando esta está prestes a acontecer. Podem ser cãibras musculares dolorosas na zona do abdómen, como uma dor persistente ou constante, ou até mesmo como fortes espasmos. 

Algumas mulheres podem sentir uma variação na intensidade desta dor entre ciclos, com algumas menstruações a causarem pouca ou nenhuma dor e outras a serem muito mais dolorosas.

As dores menstruais começam normalmente quando começa a perda de sangue, mas algumas mulheres também podem sentir cólicas menstruais nos dias que antecedem a menstruação.

Causas das dores menstruais

Durante a menstruação, o útero contrai-se para ajudar o revestimento a soltar-se. Esta contração comprime os vasos sanguíneos no revestimento, cortando temporariamente o fornecimento de sangue e oxigénio ao útero. A falta de oxigénio nos tecidos do útero provoca a libertação de substâncias químicas que podem desencadear dor.

O corpo também liberta prostaglandinas, substâncias químicas que incentivam os músculos do útero a contrair-se ainda mais, o que também pode provocar dor. 

É possível que algumas mulheres sintam mais dor do que outras devido a uma acumulação de prostaglandinas, o que torna as contrações mais fortes. 

Condições de saúde que podem agravar as dores menstruais

  • Endometriose. Uma condição em que os tecidos que revestem o útero crescem fora do útero, em locais como as trompas de Falópio e os ovários. As mulheres com endometriose podem sentir dores intensas quando o revestimento se solta. 
  • Fibroides. Estes tumores benignos podem crescer à volta do útero e intensificar a dor das cólicas menstruais. 
  • Doença inflamatória pélvica. Esta infeção do útero, das trompas de Falópio e dos ovários provoca uma inflamação grave. 
  • Adenomiose. Esta é uma condição semelhante à endometriose, em que o tecido que reveste normalmente o útero cresce noutro local, com a exceção de, neste caso, ocorrer dentro da parede muscular do útero. Esta condição torna as menstruações particularmente dolorosas quando o revestimento se solta.

Consulte o seu médico se sentir dores fortes ou se reparar em alterações nos seus padrões menstruais, por exemplo, se tiver fluxos menstruais mais intensos do que o habitual ou se a menstruação se tornar irregular. 

2. Dores no peito ou sensibilidade mamária

A sensibilidade mamária ou as dores no peito são sintomas comuns da menstruação ou pré-menstruação. A sensibilidade ou dor devido à menstruação pode: 

  • Provocar a sensação de uma dor persistente, pesada ou dolorosa que pode variar entre ligeira a grave.
  • Começar até duas semanas antes da menstruação, piorar à medida que o tempo passa e, depois, desaparecer quando a menstruação terminar. 
  • Afetar ambos os seios (mas nem sempre) e pode mesmo espalhar-se para a área em torno da axila.

Causas das dores no peito durante a menstruação ou quando esta está prestes a acontecer

A causa mais provável de dores no peito ou do inchaço mamário na altura da menstruação são as alterações hormonais durante o ciclo menstrual. À medida que o início da menstruação se aproxima, existe uma maior probabilidade dos níveis aumentados de progesterona causarem sensibilidade ou dor. 

Os níveis de progesterona aumentam após a ovulação e atingem o seu pico por volta do 21.º dia de um ciclo de 28 dias, antes de descerem à medida que a altura da menstruação se aproxima. As dores no peito nesta altura podem dever-se ao crescimento das glândulas mamárias devido a elevados níveis de progesterona. No entanto, se tiver dores mamárias persistentes ou se as tiver noutras alturas do seu ciclo menstrual, fale com o seu médico para excluir algo mais grave. 

Condições de saúde que podem agravar as dores no peito

Se sofrer de: 

Então é mais provável que tenha inchaço mamário. Embora a maior parte das mulheres sinta alguma sensibilidade mamária na altura até à menstruação, os fatores de risco podem incluir: 

  • um histórico familiar de sensibilidade mamária antes ou durante a menstruação 
  • uma dieta rica em gordura 
  • demasiada cafeína (embora não exista um valor preciso para a quantidade de cafeína, em especial porque é necessária mais investigação nesta área, algumas mulheres notam uma diminuição das dores no peito quando limitam o consumo de cafeína ou a cortam completamente). 

A maior parte das vezes as dores no peito desaparecem quando a menstruação termina. No entanto, se notar quaisquer outros sintomas, tais como os que se seguem, consulte o seu médico: 

  • Secreção clara ou com sangue do mamilo 
  • Um novo caroço que não desaparece após a menstruação
  • Dor persistente e inexplicável 
  • Vermelhidão, pus à volta do mamilo ou febre, possíveis indicadores de uma infeção. 

3. Borbulhas

Algumas mulheres podem notar que ficam com borbulhas ou manchas de acne na altura da menstruação, geralmente antes. De facto, a acne nos dias que antecedem a menstruação de uma mulher adulta é mais comum do que se pensa! 

Um estudo realizado com 400 mulheres em 2001 revelou que 44% tiveram acne pré-menstrual1.  Num outro estudo do mesmo ano, 65% das participantes relataram a ocorrência de acne perimenstrual2

Causas para as borbulhas

Embora a acne também possa acontecer nos homens, as mulheres têm mais probabilidades de ter acne devido a alterações nos níveis hormonais ao longo do ciclo menstrual. 

À medida que se aproxima a altura da menstruação, os níveis de estrogénio e progesterona caem, e isso desencadeia uma maior produção de óleo (sebo) por parte das glândulas produtoras de gordura junto dos folículos pilosos na pele. 

Demasiado sebo pode entupir os poros da pele, o que pode provocar o desenvolvimento de bactérias, resultando em inflamação da pele e... acne!

Condições de saúde que podem piorar a acne na altura da menstruação

A acne também pode ser um sintoma de síndrome do ovário poliquístico (PCOS). Considere a hipótese de falar com o seu médico se, para além da acne, notar algum dos seguintes sintomas: 

  • menstruações irregulares ou não ter a menstruação 
  • crescimento excessivo de pelos no rosto, peito, costas ou zona das nádegas 
  • aumento de peso
  • queda de cabelo ou cabelo mais fino
  • dificuldade em conceber se estiver a tentar engravidar. 

4. Cansaço associado à menstruação

O cansaço associado à menstruação pode referir-se a um episódio de cansaço sentido mesmo antes do início da menstruação ou durante a mesma.  

O cansaço é um sintoma da SPM, que muitos especialistas associam às alterações hormonais. Ao longo do ciclo menstrual, os níveis de estrogénio e de progesterona mudam, o que pode resultar em sensações de cansaço.

A diminuição do estrogénio e da progesterona na fase lútea (a fase do ciclo menstrual entre a ovulação e o primeiro dia da menstruação seguinte) também pode causar uma diminuição de outra hormona chamada serotonina, um neurotransmissor que melhora o humor (uma hormona feliz!). Quando os níveis de serotonina diminuem, podem provocar mau humor e uma diminuição dos níveis de energia.

Sintomas que podem agravar o cansaço associado à menstruação

O cansaço associado à menstruação também pode ser causado por:

  • Níveis baixos de ferro. Por vezes, uma hemorragia abundante durante a menstruação pode originar uma anemia devido a uma deficiência de ferro e isso, por sua vez, pode causar fraqueza e cansaço, uma vez que o ferro é muito importante para transportar oxigénio no sangue. 
  • Alterações súbitas nos níveis de açúcar no sangue. Algumas mulheres podem ter certos desejos alimentares na altura da menstruação, o que pode provocar a ingestão de demasiados doces ou de alimentos com açúcar adicionado. A ingestão deste tipo de alimentos pode provocar um pico de açúcar no sangue, seguido de uma diminuição da energia.  
  • Perturbações do sono. Se as dores menstruais a mantiverem acordada à noite ou se as mudanças de humor dificultarem o sono, é natural que se sinta cansada no dia seguinte.

Se o seu cansaço for debilitante ou interferir nas suas atividades diárias, ou não desaparecer após a menstruação, fale com o seu médico para determinar a causa. 

5. Barriga inchada e retenção de líquidos

Se notou que as suas calças de ganga estão mais apertadas do que o habitual na altura da menstruação, é provável que seja a menstruação que está a fazer com que estejam mais apertadas. Um sintoma comum da SPM é o inchaço ou a retenção de líquidos imediatamente antes do início da menstruação. Este sintoma pode aparecer uma a duas semanas antes do início da menstruação, o que faz com que seja um bom indicador de que está prestes a ter a menstruação.

Causas do inchaço e da retenção de líquidos na altura da menstruação

Tal como muitos outros sintomas da SPM, a retenção de líquidos é provavelmente provocada pela flutuação das hormonas. No entanto, uma dieta rica em sal também pode aumentar a retenção de líquidos na altura da menstruação.

Se este for um problema recorrente, fale com o seu médico sobre as opções de tratamento disponíveis.

6. Dores na zona lombar

Um estudo de 2015 concluiu que 16% das mulheres que sofreram de dores menstruais, também sentiram dores na zona lombar durante a menstruação3.

Causas de dores na zona lombar durante a menstruação

Durante a menstruação, o útero contrai-se para libertar o revestimento antigo. Estas contrações podem provocar dores musculares adicionais (para além de outros tipos de dores menstruais) e podem espalhar-se para a parte inferior das costas. 

Condições de saúde que podem aumentar as dores nas costas durante a menstruação

Existem certas condições médicas que podem agravar as dores nas costas durante a menstruação, incluindo:

  • Endometriose
  • Fibroides uterinos 
  • Adenomiose
  • Problemas nas costas ou lesões.

Se a sua dor lombar for grave ao ponto de não conseguir realizar atividades diárias, consulte o seu médico para determinar a causa e a forma de tratamento adequada à sua situação pessoal. 

7. Dores de cabeça ou enxaquecas

A menstruação pode ser um gatilho para as chamadas "dores de cabeça hormonais". As dores de cabeça ou enxaquecas associadas a alterações hormonais podem piorar na altura em que está à espera da menstruação.

Segundo a Dr.ª Anne MacGregor do Centro Nacional de Enxaquecas do Reino Unido4, é mais provável que uma enxaqueca apareça nos dois dias que antecedem a menstruação de uma mulher ou durante os primeiros três dias da sua menstruação. 

Causas de dores de cabeça ou enxaquecas na altura da menstruação

As enxaquecas menstruais ou as dores de cabeça hormonais são geralmente causadas por uma queda natural do estrogénio no final da fase lútea e no início da menstruação. 

Fatores que podem desencadear dores de cabeça hormonais

As dores de cabeça hormonais também podem ser desencadeadas por 

  • contracetivos orais
  • a menopausa 
  • gravidez.

Consulte o seu médico se as suas dores de cabeça forem persistentes, insuportáveis ou continuarem depois de a sua menstruação ter terminado.

8. Oscilações de humor e perturbações

Oscilações de humor, ansiedade, depressão e irritabilidade são indicadores comuns de que está prestes a ter a sua menstruação. As mudanças de humor são um dos sintomas clássicos da SPM. Algumas mulheres também passam por aquilo que é conhecido como transtornos de humor acentuados ou transtornos disfóricos pré-menstruais (TDPM). Trata-se essencialmente uma forma severa de SPM.

Com o TDPM, as emoções acentuam-se e as oscilações de humor são mais graves. Tanto a SPM como o TDPM tendem a acontecer cerca de 7 a 10 dias antes do início da menstruação, durando até aos primeiros dias da mesma.

Causas para as oscilações de humor na altura da menstruação

Tal como acontece com muitos outros sintomas da menstruação, os sentimentos de ansiedade ou irritabilidade associados à SPM ou ao TDPM devem-se provavelmente às alterações hormonais que ocorrem nesta altura do mês.

Fatores que podem piorar as oscilações de humor durante a menstruação

Embora a causa do TDPM não seja clara, existem algumas teorias sobre a razão para algumas mulheres terem piores oscilações de humor e sentirem formas mais graves de transtornos de humor na altura da menstruação, tais como:

  • terem um caso subjacente de depressão 
  • serem muito sensíveis às alterações hormonais 
  • genética.

Se considerar que as suas oscilações de humor são extremas ou se tiver pensamentos suicidas, discuta os seus sintomas com o seu médico o mais depressa possível.

9. Problemas gastrointestinais

Na altura da menstruação, pode ter prisão de ventre ou diarreia. De facto, um estudo de 2014 descobriu que 73% das mulheres no estudo tiveram pelo menos um problema gastrointestinal na altura da sua menstruação5, sendo a diarreia uma das queixas mais comuns. 

Causas para a prisão de ventre e diarreia menstruais

Tal como muitos dos outros sintomas da menstruação, as hormonas são as prováveis culpadas desta situação. A acumulação da hormona progesterona, responsável por tornar as paredes do útero mais espessas, pode causar prisão de ventre em algumas mulheres. 

Por outro lado, o aumento das prostaglandinas, as hormonas que provocam as contrações musculares que ajudam o revestimento do útero a soltar-se, pode provocar diarreia.

Quando os níveis de prostaglandinas estão elevados, uma parte da hormona pode entrar na corrente sanguínea e passar para outros órgãos, como o intestino. Níveis elevados de prostaglandinas no intestino podem provocar contrações dos músculos dos intestinos ou do cólon, o que provoca a diarreia.

Se estes problemas gastrointestinais persistirem, fale com o seu médico para diagnosticar ou descartar outras causas possíveis.

10. Sono de má qualidade

Quer sejam as cólicas ou as oscilações de humor que a mantêm acordada durante a noite, o sono de má qualidade é uma queixa comum para as mulheres na altura da menstruação. Outra razão possível para dormir mal nessa altura do mês são as alterações na temperatura corporal. 

Causas para um sono de má qualidade durante a menstruação

As flutuações hormonais podem fazer com que a temperatura corporal interior aumente cerca de meio grau após a ovulação. É assim que o método de temperatura corporal basal (TCB) a ajuda a detetar se ovulou ou não. Este meio grau pode não parecer muito, mas pode afetar o seu sono, porque é mais fácil dormir quando a temperatura corporal está mais fria. 

Perguntas frequentes sobre sintomas da menstruação

Quais são os sinais de que está prestes a ter a sua menstruação?

Todas as mulheres são diferentes e os sinais de que pode estar prestes a ter a sua menstruação podem ser ligeiramente diferentes quando comparados com os de outras mulheres. No entanto, estes são alguns dos possíveis sintomas da menstruação que poderá ter:

• Cólicas
• Oscilações de humor
• Sensibilidade mamária
• Dores de cabeça.

O que acontece mesmo antes da sua menstruação?

Se não estiver grávida, o revestimento espesso do seu útero soltar-se-á em resposta à diminuição dos níveis hormonais.
Estas alterações hormonais são responsáveis por muitos dos sintomas da SPM que poderá sentir mesmo antes do início da sua menstruação.

Os sintomas de gravidez precoce podem assemelhar-se aos da menstruação?

Existem alguns sintomas que se sobrepõem, como o cansaço, a sensibilidade mamária, as oscilações de humor e a dificuldade em dormir. Se suspeitar que pode estar grávida, pode fazer um teste de gravidez até 6 dias antes do dia da menstruação em falta para ter a certeza.

Porque é que tenho sintomas menstruais mas não tenho a menstruação?

Pode sentir alguns sintomas da menstruação se estiver grávida, uma vez que existem alguns sintomas que se sobrepõem. Em caso de dúvida, faça um teste de gravidez.
Se não estiver grávida, não ter a menstruação deve-se a outro motivo. Descubra outras razões pelas quais a sua menstruação pode estar atrasada. E, se estiver preocupada, consulte o seu médico.

Conclusão

Embora muitos sintomas da menstruação possam ser irritantes, tente descansar e ter calma nesta altura. Os sintomas típicos de cólicas, dores de cabeça e cansaço devem-se, geralmente, apenas a flutuações hormonais e devem desaparecer assim que a sua menstruação terminar. Também pode falar com o seu médico sobre medicação ou técnicas de relaxamento que pode experimentar para tentar aliviar alguns dos sintomas. À medida que for sabendo mais sobre os seus sintomas e o que esperar, bem como o método que funciona melhor no seu tratamento, estará mais preparada para eles quando estiver na altura da sua menstruação.

  1. Stoll S, Shalita AR, Webster GF, Kaplan R, Danesh S, Penstein A. The effect of the menstrual cycle on acne. J Am Acad Dermatol. 2001 Dec;45(6):957-60. doi: 10.1067/mjd.2001.117382. PMID: 11712049. 
  2. Geller L, Rosen J, Frankel A, Goldenberg G. Perimenstrual flare of adult acne. J Clin Aesthet Dermatol. 2014;7(8):30-34.
  3. Kural M, Noor NN, Pandit D, Joshi T, Patil A. Menstrual characteristics and prevalence of dysmenorrhea in college going girls. J Family Med Prim Care. 2015;4(3):426-431. doi:10.4103/2249-4863.161345
  4. https://www.nhs.uk/conditions/hormone-headaches/
  5. Bernstein MT, Graff LA, Avery L, Palatnick C, Parnerowski K, Targownik LE. Gastrointestinal symptoms before and during menses in healthy women. BMC Womens Health. 2014;14:14. Publicado a 22 de janeiro de 2014. doi:10.1186/1472-6874-14-14